Em outubro de 2017, nos autos do Processo 1485-42.2010.5.09.0088, a Terceira Turma do Tribunal Superior do Trabalho condenou o Banco Bradesco S.A a indenizar em R$ 50 mil reais uma ex-gerente do banco que teve quadro de depressão agravado em função das condições de trabalho.

Para os ministros, a doença foi diretamente influenciada pela alta cobrança de metas excessivas, que implicavam críticas do superintendente feitas em público e de maneira depreciativa.

Nesse espeque, convém destacar que a forma de monitoramento e cobrança de metas também foi tratada pelo sindicato representativo da categoria, no estado de São Paulo, na cláusula 37 da convenção coletiva do corrente ano, confira-se:

“CLÁUSULA 37 MONITORAMENTO DE RESULTADOS No monitoramento de resultados, os bancos não exporão, publicamente, o ranking individual de seus empregados. Parágrafo Único É vedada, ao gestor, a cobrança de cumprimento de resultados por mensagens, no telefone particular do empregado”.

Tamanha é a repercussão que até mesmo o sindicato interveio nesta questão, ou seja a exposição depreciável do bancário quanto às metas impostas pelas instituições financeiras traz uma gama de doenças psíquicas que devem ser combatidas.

A verdade é que em razão da concorrência acirrada no ramo das instituições financeiras, as metas cada vez mais se tornam inalcançáveis, o que gera uma frustração por parte do empregado, que cobrado diariamente, e muitas vezes de forma vexatória, acaba por desenvolver doenças psíquicas com relação direta com o trabalho.

Com isso, ao primeiro indício de metas inatingíveis e consequente doença psíquica com afastamento superior a quinze dias pelo INSS, deverá o empregado procurar o auxílio de um advogado trabalhista especializado em bancário, para ingresso de reclamação trabalhista visando a indenização por doença ocupacional causada pela instituição financeira.

Posts relacionados

Entenda como funciona a reclamação trabalhista
Muitas pessoas buscam saber como funciona a reclamação trabalhista de olho em uma possível reparação após se sentirem lesadas, de alguma forma, por uma empresa com quem possuíam vínculo empregatício. Dentro da extensa área de direito trabal…

Direito trabalhista: Assessoria Jurídica Trabalhista em tempos de crise
Estar atento a todos os detalhes do direito trabalhista é um cuidado que deve estar sempre entre as prioridades de todas as empresas, de modo a evitar futuras dores de cabeça com passivos trabalhistas e outras dúvidas relacionadas às obrigações…

Verbas Rescisórias na Pandemia (COVID-19)
Diante do atual cenário nunca vivenciado pelos brasileiros, com a pandemia e, consequentemente, o estado de calamidade pública decretado pelo Governo Federal, muitos trabalhadores têm dúvidas quanto às verbas a serem pagas pelas empresas em cas…