jun. 17

Quando contratar uma assessoria jurídica?

Tags:




Saiba quando contratar uma assessoria jurídica | GR Advogados Muitas empresas possuem gastos consideráveis com problemas trabalhistas relacionados a funcionários, multas contratuais ou dificuldades jurídicas de diversas naturezas que resultam em despesas recorrentes.

Entretanto, elas podem ser revertidas com o auxílio de uma assessoria jurídica, principalmente em períodos economicamente instáveis e que podem gerar um grande número de demissões, sendo que a segurança jurídica é, por si só, uma forma de controlar os gastos.

Existem diversos momentos da trajetória de uma empresa nos quais a assessoria jurídica é uma alternativa mais saudável e econômica. Confira quando optar por esse investimento!

Alto número de processos trabalhistas

Quando não possui uma assessoria jurídica fixa, a empresa necessita contratar um advogado especializado em defesa trabalhista sempre que precisa de um defensor legal.

Esse contrato esporádico ou para casos específicos pode sair mais caro para a empresa, visto que o profissional irá cobrar por caso defendido que, se forem muitos, podem acarretar em um desequilíbrio financeiro para a empresa.

A assessoria jurídica, contudo, não é um recurso que permite apenas a defesa trabalhista em tribunal ou mediação de acordos trabalhistas.

É comum que o profissional atue pró-ativamente na companhia, evitando a recorrência dos processos trabalhistas, principalmente devido irregularidades semelhantes.

Recorrentes prejuízos contratuais

Pela falta de um profissional da área jurídica que possa auxiliar no desenvolvimento de algumas tarefas fundamentais, muitas empresas assinam contratos sem o devido entendimento dos termos ali apresentados e correm o risco de se prejudicarem futuramente, devido ao pagamento de multas abusivas ou mesmo por ter concordado com medidas prejudiciais.

A assistência permanente de uma assessoria jurídica evita que tais prejuízos ocorram e que os contratos se tornem um problema recorrente a longo prazo para a empresa.

Problemas internos com os empregados

Não é incomum que os próprios empregados identifiquem condições trabalhistas que ferem as determinações presentes na CLT e também as convenções coletivas, entretanto, a empresa deve estar sempre um passo à frente nesse sentido.

Cabe a ela, por meio de uma parceria entre assessoria jurídica e setor de recursos humanos, identificar potenciais problemas e evitar que eles se tornem constantes na empresa.

É importante que a empresa apresente aos empregados regulamento interno da empresa, de acordo com as leis vigentes.

A preocupação da empresa será identificada pelos próprios trabalhadores que se sentem mais seguros ao atuar em uma companhia que esteja efetivamente comprometida em assegurar o cumprimento dos direitos trabalhistas e a manutenção da ordem.

Assessoria jurídica

Caso a sua empresa esteja passando por qualquer uma dessas situações e busca por alternativas que façam com que os custos com manutenção sejam menores.

Procure por uma assessoria jurídica que possa dar todo o suporte necessário para um crescimento mais saudável e seguro do seu empreendimento.